Depressão e Fibromialgia

Por ser uma doença muito prevalente em nosso tempo, a depressão é uma doença muito conhecida, porém, o que a maioria das pessoas não sabe é que há uma relação íntima entre ela e dores crônicas.

 

A depresão se relaciona à produção de substâncias inflamatórias pelo organismo, substâncias que provocam dor: citocinas (leucotrienos, interleucinas, fator de necrose tumoral). E, por outro lado, doenças que provocam inflamações e dor no organismo também podem levar ao desenvolvimento de depressão.

 

Então, se alguém já é portador de um transtorno depressivo estará mais predisposto a sentir dor, e o contrário também é verdadeiro.

 

É por isto  que pessoas com Fibromialgia, uma doença que provoca muitas dores e cansaço, muitas vezes já tinham ou desenvolveram depressão.

 

Nos casos onde fibromialgia e depressão já estão juntas a Estimulação Magnética Transcraniana demonstra ser uma excelente escolha de tratamento, porque além de tratar a depressão, a EMT tem eficácia comprovada no tratamento de fibromialgia. Este tratamento tem a capacidade de reduzir diretamente no cérebro do paciente fibromiálgico algumas substâncias danosas que estão aumentadas.

 

A EMT reduz as dores da Fibro, não somente a curto, como a médio prazo, fazendo com que o paciente possa voltar a suas atividades normais e possa realizar os exercícios propostos pelo reumatologista, prevenindo outras crises futuras de dor.

O que os fibromiálgicos deprimidos costumam chamar de “névoa do cérebro” ou de "nevoeiro do cérebro”, a EMT trata, são as dificuldades cognitivas: atenção (concentração) memória. Isto ocorre porque Estimulação Magnética trata: 

  • a insônia (ajudando no tratamento de atenção e memória)
  • trata a depressão (melhorando atenção e memória)
  • trata a dor permitindo permitindo ao paciente não utilizar os medicamentos mais potentes para o controle da dor, os quais provocam ganho ponderal.

Quanto maior o peso do pessoa portadora de fibromialgia pior sua atenção e memória. 

O fato de durante a Estimulação estarem sendo tratadas concomitantemente síndrome depressiva e dor também favorece o melhor prognóstico, porque diminui ainda mais o quantitativo de substâncias que provocam inflamação, tornando os resultados ainda melhores para o tratamento da fibromialgia.

Portanto, cientificamente podemos afirmar que a Estimulação Magnética Transcraniana se mostra uma excelente modalidade de tratamento para portadores de fibromialgia com depressão.